Total de visualizações de página

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

2010 de coração branco


Natal e Ano Novo estão aí e junto com eles um monte de sentimentos misturados fora o trânsito e o inferno nas ruas claro.
Já falei aqui que não gosto dessas datas, procuro ao máximo não me “contaminar” com essa euforia desenfreada que corre solta, mas com tantas luzes piscando, enfeites e programas de fim de ano fica difícil.
Inevitável não repensar algumas coisas, não fazer um balanço do ano e até criar algumas metas.
Mas podem ter certeza de que ninguém vai me ver pulando sete ondas, jogando flores no mar (que só fazem deixar a praia imunda) ou fantasiada de branco rs.
Lembro de quando minha mãe e minha avó eram vivas, o Natal tinha todo sentido, as festas eram lindas e acredito que isso é porque Natal é justamente estar com as pessoas que amamos.
Hoje tirando Maria Julia e Mariah, isso não é mais assim.
O Natal virou uma festa chata, muito mais cheia de obrigações sociais do que de amor.
Minha mãe morreu no dia 28 de dezembro e como se não me bastassem essas duas datas “inesquecíveis” ainda têm uma data no meio disso que faz com que a saudade que sinto todos os dias fique ainda maior
Ano Novo é a mesma história todo mundo parece ficar tomando por um surto coletivo de que a meia noite um milagre vai acontecer e vícios serão substituídos por virtudes, tristeza por alegria e caos por paz.
Todas essas coisas estão nas nossas mãos e podem ser colocadas em pratica a qualquer momento, agora, por exemplo, pode ser uma ótima hora para ligar para alguém com quem não falamos há muito tempo, mas que sentimos saudade e dizer um oi.
Agora pode ser o momento para jogar o maço de cigarros fora ou para ser menos exigente com as pessoas ou com nós mesmos.
Todos os anos juro que no final vai ser diferente, que vou estar em um lugar sem toda essa confusão, vou estar de havaianas com alguém ao lado de que realmente gosto muito.Mas como todas as promessas de fim de ano, nunca consigo cumprir.

Esse ano não foi fácil, talvez um dos piores dos últimos tempos.
Logo no início me meti em uma relação que não me fez nada bem, ao contrario, me desgastou.
Depois meu ex-marido resolveu ficar grávido de trigêmeos.
Isso, ele não resolveu ter um filho, teve três em uma só tacada, claro isso foi um processo de adaptação para as meninas e tudo que afeta a elas...Afeta a mim.
Também foi o ano em que uma pessoa que amo descobriu que estava com câncer e foi assustador
Uma mistura de medo, raiva, mas que depois deram lugar à esperança.
Voltar ao INCA onde vi minha mãe morrer, onde tivemos nossa última conversa me fez reviver sentimentos que achei que eu já tivesse superado.
Algumas coisas não superamos nunca
Senti muitas coisas em silêncio, chorei sozinha e tentei sempre acreditar que no fim tudo ia dar certo.
Esta dando
Não fui para Bali esse ano e senti tanta falta...
Maria Julia entrou na adolescência e achei que não saberia o que fazer quando me deparei com alguns problemas, mas fiz e acho que tenho acertado.
Dei minha primeira surra na Mariah acho que selando de vez minha maternidade com ela (só não vou falar que doeu mais em mim do que nela pq se ela ler isso vai ficar uma fera rs), mas foi um momento...Duro.
Senti a dor de ver minhas palavras distorcidas por uma revista idiota, mas o troco foi dado.
Em uma breve retrospectiva de 2009 percebi algumas coisas
Perdi um cachorro
Ganhei um amigo
Aprendi que não mudamos os outros e que não adianta insistir por mais tentador que possa parecer
Mudei alguns valores
Comprei outro cachorro rs
Continuo sem conseguir engolir comprimido
Experimentei novas situações e arrisquei
Esqueci de parar de fazer tanto drama, mas me lembrei de ser grata.
Terminei um namoro
Lembrei de como é bom ficar sozinha em casa
Meu humor me abandonou poucas vezes e isso é maravilhoso
Fui ver meu avô mais vezes do que nos outros anos
Fui ao circo (odeio circo)
Chorei vendo filmes e ouvindo músicas
Nossa chorei muito esse ano!
Voltei a rezar antes de dormir
Voltei a acreditar que ainda existem algumas pessoas que valem a pena e que merecem apoio sempre.
Descobri que não adianta esperar de algumas pessoas o que elas não tem, não podem ou não querem dar.
Superei meu medo de altura
Fiz coisas de que me arrependo, mas aprendi a lição.

Não preciso esperar até 2010 a vida é nesse momento, é agora que tenho que fazer o meu melhor.
Hoje escolhi ser feliz
Dei mergulhos longos que me levaram para perto de Deus outra vez
Agradeci tantas vezes por ter tempo de fazer novas escolhas
Limpei minha vida de algumas pessoas e deixei outras entrarem
Quero gente do bem, quero pessoas que se possa contar, quero troca.
Não quero só tirar nem só dar
Agora é hora de perder o que não me faz bem
Ganhar novas alegrias
Aprender outros caminhos.
Quem sabe uma nova língua?
Mudar o rumo das coisas
Beijar, mas só se for beijo apaixonado.
Esquecer quem me deixou triste
Esquecer o que não tem remédio
Lembrar da sorte que tenho em estar viva depois de tanta coisa
Experimentar novos sabores
Terminar tudo que comecei mesmo que eu não saiba como rs
Amar olhando nos olhos
Chorar todas as vezes que tiver vontade, sem vergonha.
Mas que as lágrimas sejam mais de alegrias dessa vez
Ir e vir
Voltar sempre que tiver vontade
Pedir desculpas quando estiver errada
Não deixar de fazer por medo de errar
Falar mais vezes obrigada
Dizer eu te amo só quando for com o coração
Andar de mãos dadas
Dar limites claros e lembrar que eu sou a única pessoa capaz de permitir que meu dia seja ruim.
Superar!
Acho que é isso que devemos fazer todos os dias, todos os anos 2010, 2011,2022 ect...
Eu desejo a todos que a vida seja leve todos os dias, que branco seja a cor da alma,do coração e não só da roupa.
Mas que seja o ano todo branco de paz.


Ps Ok eu confesso que a única coisa que amo no fim do ano é o show do Roberto Carlos

9 comentários:

  1. Karina,

    Uma das coisas mais bonitas e mágicas da vida é que temos o poder de aprender com nossos erros e recomeçar sempre que for preciso com humildade e coração aberto!!

    Te desejo um 2010 repleto de amor, paz, harmonia, sucesso e prosperidade!!

    Que vc possa realizar todos os seus sonhos e viver uma vida cada vez mais leve e feliz!!

    Muitos beijos pra vc e pras meninas,

    Deus abençoe vcs!!

    Rodrigo "Ratão"

    ResponderExcluir
  2. Fiquei feliz ao ler que a Bela Menina do Cachorrinho, está rezando antes de durmir. Minhas leituras obrigatórias do dia são: Jornal, Salmos Bíblicos, 23,26, 28, e o 79, Credo, Pai Nosso e Ave Maria.

    Também perdi meu pai em dezembro de 2006, uma pessoa que amo muitooooo tbm está com a mesma doença que levou meu pai...É TRISTE. Mas entre mortos e feridos, salvaran-se todos...E a ceia foi animada...Só naõ consigo entender a tal da rabanada...Coisa horrível e feia.

    Beijosss

    ResponderExcluir
  3. Não vou me estender hoje e espero que dessa vez vc aprove meu comentário. Sei que para vc, deve ter sido dificil(kkkkkk) ficar aguardando meu telefonema e n receber, liguei tarde, vc já n estava ou n quis atender de raiva(mandei torpedo avisando, mas a Vivo deu tilt, nada seguiu). Mas prometo ligar ainda essa semana, palavra de escoteiro. A respeito dessa sua "cronica", só posso te dizer: Ana Karina vc se superou.
    Beijão linda

    ResponderExcluir
  4. Realmente me emocionei muito com o seu texto, e tambem espero que o braco continue nao sendo somente a cor da roupa e sim a cor da alpa e da paz .. que no momento é realmente o que mais estamos precisando!
    Beijos, continue escrevendo

    ResponderExcluir
  5. nossa realmente lendo esse seu ultimo post fiquei emocionada , estou aqui aos prantos , uma mistura de tristeza e conforto e alegria , é muito bom ler esse seu blog , as vezes eu me indentifico tanto que me dá um alivio de saber que existem pessoas tão especiais como voce!!!!!!!!! adorei ter entrado em contato com voce depois do livro mesmo que seja virtual, e espero mesmo que nos conhecemos de verdade em 2010 , aiii realmente suas palavras desse ultimo post me emocionarm , tocaram lá no fundo do meu coração e me fez acreditar mais uma vez que tudo pode ser mais leve e que existem realmente pessoas do bem como voce , afff estou aos prantos aqui , acho que precisava disso
    bjs //robertha/// obs: coloquei anonimo pois senão não ia conseguir postar esse comentario aqui

    ResponderExcluir
  6. Jorge Fausto De Figueiredo16 de janeiro de 2010 00:11

    E eu onde tou???
    Feliz tudo pra vc meu amor
    TIII SEMPRE

    ResponderExcluir
  7. Não postou mais?

    Que pena, adoro ler e acompanhar teu blog.

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  8. Nossa, não escreveu mais??????rsrs

    Tô sentindo falta das tuas palavras.

    Não some.

    Beijocas.

    ResponderExcluir
  9. quanto mais eu leio de tras para frente como vc sugeriu mais eu vejo um crescimento espiritual, uma evolução,um amadurecimento de verdade. Muito lega.:)
    bjs

    ResponderExcluir