Total de visualizações de página

domingo, 8 de novembro de 2009

Revista IstoE ...Isto é no minimo ridiculo


Hoje acordei e fui ler a matéria da revista Isto E
Impossível não chorar e não ter ficado indignada com o que li.
Mentiras, distorções e claro sensacionalismo.
Eu já devia estar acostumada a isso, mas não estou.
E acho que nunca vou me conformar com esse tipo imprensa, que mente, que não se coloca inteiramente a par dos fatos antes de escrever qualquer coisa, que compromete e principalmente que não da a mínima.
Me senti da mesma forma de quando li matérias mentirosas, quando eu tinha 15 anos.
Passei muito tempo calada.
Hoje não me calo mais
Sinto e estou sentindo uma tristeza profunda por ver nas linhas de um repórter incompetente ou no mínimo inconseqüente, minha historia mais uma vez sendo distorcida.
Começando pelo titulo da matéria: A princesinha do trafico.
Seguido por outras alucinações
Vamos lá...
Quem leu o livro sabe que nunca fui traficante.
Uma vez ganhei de um dono de morro sim uma quantidade para tentar vender, coisa que não tive o menor sucesso, já que dei para amigos e usei praticamente tudo, o que sobrou meu pai jogou fora.
Se o trafico do Rio de janeiro dependesse dos meus talentos ou até da minha vontade de fazer isso estaria ferrado
Meu nome não é Johnny, esse cara pirou?
Minha historia nunca foi de tráfico e sim de uso
Em nenhum momento escrevi ou falei para esse desvairado que o gringo foi dono de algum morro
Será que ele tem noção do que isso pode me causar ou comprometer?
Provavelmente não, ou não faz diferença.
A idéia do seqüestro não foi minha, isso está bastante claro no livro também.
Não acredito que mais uma vez tenho que me explicar sobre isso...
Ele escreve também que roubei jóias de família.
As jóias que troquei por droga eram minhas, algumas vinhas de família sim, mas me pertenciam.
Nunca roubei minha família.
Ok traficante e ladra a coisa tá indo bem...
Quando ele fala sobre o episodio do rapaz que foi morto no morro e teve o corpo feito de tiro ao alvo, parece que eu estava com uma arma na cintura trabalhando.
Definitivamente esse cara é desinformado, detesto trabalho seja ele de que tipo.
Estava comprando drogas, pessoas que usam drogas tem esse habito, o de comprar.
Vários abortos???
Bom nem vou falar sobre isso.
Ele escreve que fiquei quatro anos sem ver minha filha Maria Julia, mais uma mentira.
Equilibrava pratos para poder estar perto dela, mesmo quando ela estava morando com meu pai.O único período que fiquei sem ver a Maria Julia, mas falava com ela todos os dias no telefone, foi quando morei em Londres em mais uma tentativa de ficar de pé e poder estar perto dela.
Na vida às vezes temos que renunciar para não perder
Ele escreve que fiquei com uma lesão no cérebro.
Não fiquei tive, lesão para quem não sabe é como uma ferida superficial que com algum tempo sem o uso se fecha como um machucado.
Não tenho lesão
A parte boa é que hoje sinto, sinto tudo.
Meu sentimento é de tristeza, impotência e raiva bastante raiva.
Minha vontade era pegar o repórter pelo braço, depois de dar uns tapas claro e falar: Agora senta e escreve isso direito.
Se ele não tem um compromisso com a verdade eu tenho, sempre tive mesmo nos piores momentos.
Essa é a nossa imprensa, são pessoas como esse repórteres que nos enfiam matérias, informações todos os dias garganta abaixo, sem base e sem conhecimento.

Esse mesmo repórter me ligou dias depois perguntando se eu não conhecia nenhum gay que seja pai ou mãe que queira fazer uma matéria e como ele disse mostrar a cara
Ainda brincou falando: Só pego pepino
Bom acho que é isso ne, pepino essa é a forma que matérias são vistas.
Liberdade de imprensa para isso?
Aff

Acho que eu e minha família já tivemos nossa dose de sofrimento na vida, não precisamos disso.
Qualquer matéria, qualquer divulgação que não seja para AJUDAR jovens e familiares não me interessa.
Não acredito que essa matéria tenho tido esse propósito e muito menos o resultado que eu gostaria AJUDAR, levar um pouco de esperança para pais que estão perdendo seus filhos.
Alertar jovens a não entrarem nessa ou ajudar de alguma forma os que já estão


Abaixo segue o e mail que mandei para ele hoje em um surto de impulsividade, mas não retiro uma linha do que escrevi.
.....................................................................................

matéria‏
De: Ana Karina Cahet (anacahet@hotmail.com)

Enviada: Domingo, 8 de novembro de 2009 17:33:19
Para: waquino isto é (waquino@istoe.com.br)
Acabei de ler a sua matéria.
Bom vamos por partes
Em que momento eu falei para vc ou escrevi no meu livro que fui traficante?
No meu livro falo sim sobre uma vez em que o dono de um morro me deu uma quantidade de droga, que tentei vender, mas usei tudo e o resto meu pai jogou fora.
1 Em que momento falei para vc que usei heroína?
2 Em que momento falei ou escrevi no livro que o Gringo era dono de morro?
3 E a quantidade enorme de abortos?
4 Eu não disse que roubei jóias de família, disse que vendi minhas jóias, algumas vieram de família, mas eram minhas.
Não roubei minha família
Ate que parte do livro vc se deu ao trabalho de ler?
Pois ali fica bem claro que a idéia do seqüestro não foi minha, eu tinha acabado de fazer 15 anos lembra?
Esta bastante claro que não foi idéia minha, e mais claro ainda que realmente foi um seqüestro.
Tive conseqüências disso
Vc alterou fatos, distorceu e mudou ordens que fazem muita diferença.
5 Falei para vc que o medico disse que em cinco anos minha lesão estaria curada como uma ferida que fecha
Não tenho lesão, tive.
Por sorte minha esse mesmo medico esta hj no Brasil
Será que vc tem noção do peso das coisas que vc escreveu e de como isso pode refletir na minha vida
A princesinha do trafico?
Surtou?
Tenho família, vc tem?
Tenho filhas, que provavelmente vão escutar seus péssimos comentários.
Tenho ex-marido e amigos
Mais acho que o pior é vc ter conseguido transformar uma historia de uma pessoa com transtorno bipolar, que sofreu, teve perdas e superou, na historia de uma aspirante a marginal como vc mesmo escreveu na sua matéria infundada e de mal gosto.
Minha intenção com o livro ou cm qualquer matéria relacionada a ele, é a de alertar, ajudar pessoas que passam ou podem vir a passar pelo caminho de drogas.
Qualquer sensacionalismo não acrescenta nada e não ajuda a ninguém

Ps Para sua informçãpa palavra mais adequada para se referir a uma pessoa que usa droga não é ex-viciado e sim Dependente Químico.
.....................................................................................
E a vida continua
Ps Grande do que falei esta gravado e postado no Youtube

20 comentários:

  1. como um cara desse pode ser reporte so no brasil mesmo esse cara nao deve nem ter lido seu livro por isso esta falando tanta abobrinha se toca seu escroto burro vai ler depois vc podera escrever fala serio fiquei puta com essa materia

    ResponderExcluir
  2. Constança T.Teixeira de Freitas8 de novembro de 2009 20:15

    Infelismente acontecem coisas assim..Distorções, mentiras, etc para o que chamam "dar uma apimentada" no texto...Foi infeliz o tal "Waquino" (é assim que está no e-mail) rsrsrsr

    Daria para voce publicar a resposta dele? Estou curiosa com a respeito ..Acho que irá "culpar" o editor..mas deveria te pedir desculpas sim...de joelhos!!!|Chora não..tantas lágrimas derramadas por um insensato e louco. Um desinformado.
    A dor enorme ..é a trite memória daquela fase tão infeliz e desacreditada..uma menininha a merce dos lobos.
    Mas a vida pode ser e já te mostrou que "existe esperança"...e o Mundo..dá voltas..muitas voltas! Lindinha querida, não chore mais..
    Bjus, bjus, bjus.

    ResponderExcluir
  3. Ana, processa ele, a revista , ja q vc tem tudo gravado.
    Nao adianta ficar dando satisfa pra esses merdas !

    beijossss

    Tina

    ResponderExcluir
  4. é imprecionante a falta de respeito e de cuidado com o proximo.Me pergunto se em algum momento o reporter se colocou no seu lugar ou pensou nos danos que poderia causar a distorcer sem necessidade uma historia tão bonita de vitoria.

    ResponderExcluir
  5. Ana realmente vc está certa em desabafar... a verdadeira VERDADE! Acho mesmo que vc agora precisa é por a verdade na mídia... concordo em liberdade de expressão, agora liberdade de mentir e aumentar os fatos é triste .

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  7. Apos um final de semana de risadas e porres, acordei nessa manha com uma ressaca e entre os longos copos d agua liguei o monitor e entrei no site do terra, me chamou a atenção a frase PRINCESA DO TRAFICO com uma foto de uma moça bonita e fui me enforma sobre a materia e fiquei horrorisado .... é o rapaz falo bem mal de vc em hehehehehe após uma longa cheretada no orkut achei seu blog onde eu vi a raiva explicita que vc esta passando nesse momento eu lamento sei que vcs tem problemas ou teve como qualquer ser humano mais naum seria nada confortante te sua vida julgada por um qualquer..... e são esses ''jornalistas'' que sujam o nome de grandes profissionais na aria de comunicação ao dizer sendo jornalista.... vc diz no seu blog ‘’acho que nunca vou me conformar com esse tipo imprensa, que mente, que não se coloca inteiramente a par dos fatos antes de escrever qualquer coisa’’ o engraçado que eu li essa semana em uma revista nau me recordo se é na istoé ou na veja que destaca bem sobre esse tipo de profissional que nau se coloca inteiramente a par dos fatos ao distacar o menino do balão heheeheh mais boa sorte em sua vida..... a e vc é muito bonita em hehehe ......

    ResponderExcluir
  8. Oi Ana, já tinha comentado mas não sei porque não entrou. Bom, escrevi sobre isso também no meu blog (vai lá). Acho que você tem que se defender e depois botar uma pedra em cima.
    bjs bjs

    ResponderExcluir
  9. Esse desinformado já se deu ao trabalho de pelo menos de responder seu email, se retratar ou qqr coisa que o valha?? Agora que liberaram pros 'jornalistas' nem precisarem cursar faculdade imagina como será essa imprenssa marrom, que já é uma bosta???
    Não vale a pena chorar nem se aborrecer com isso...Nem o dito jornalista, nem a revista merecem uma gota de suas lágrimas!!!
    E como disse antes, repito: Tô a disposição pra testemunhar por vc.
    Bju, bjus, bjus....

    ResponderExcluir
  10. AK, vamos reverter essa merda toda. Esse cara que pega "pepinos" como matéria, é um Zé Ruela que deve ter feito um cursinho de merda numa faculdade na casa do caralho e agora fica se sentindo o "bam bam bam" só pq trabalha na Isto É.
    O que deve ser feito agora, é buscar um advogado e sair escrevendo pra todas as revistas queimando esse cara e contando a história inteira mais uma vez.
    Você foi até no Super Pop, tem várias matérias gravadas (como a da Tv Record)e recortadas (como do "O Globo").
    O que acho "engraçado" é as histórias da Isto É, normalmente são novas, e a sua é? não!
    Está todo mundo careca de saber!!!
    bem, o resto não posso escrever aqui, já te falei por telefone!
    Força
    Guilherme P

    ResponderExcluir
  11. Querida e linda Ana K. Lembre-se:

    Debaixo do céu há momento para tudo e tempo certo para cada empreendimento: Tempo para nascer e tempo para morrer. Tempo para rasgar e tempo para costurar. Tempo para calar e tempo para falar. Tempo para amar e tempo para a paz.

    É isso que desejo para vc nesse momento:PAZ.

    ResponderExcluir
  12. Ana, como em todas as profissões, existem os profissionais e os "outros". Vc deu azar de cair logo nas mãos dos "outros". Acho que a revista terá de te dar oportunidade de resposta. Ai vc acerta com o cara que escreveu. Mas vou repetir o que já disse pra Constança e pra vc, para de se expor um pouco. Vc já fez sua parte escrevendo o livro. Finalmente, vi pessoas preocupadas com sua familia. Acho que isso, vc nem precisa se preocupar, sabe as filhas que tem, elas conhecem toda sua vida e sabem muito bem em quem acreditar. O que desconhecidos pensarem de vc, deixa pra lá, vc está em paz com sua consciência, isso que importa.
    Beijoca a... loura rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  13. Eu li a reportagem, e como você mesma falou, ele aumentou bastante coisa. Provavelmente não leu o livro todo ou até mesmo estava com vontade de arrumar confusão.
    Você deveria processá-lo, bloquear esse acontecimento da tua memória e seguir em frente.
    Não fique chateada por alguma coisa que não merece sua preocupação.

    ResponderExcluir
  14. Olá, Ana Karina...
    Meu nome é Eliézer, sou o responsável pelo blog O Semeador, blog que vc visitou e comentou sobre a matéria que uma das nossas colunistas repassou para nosso publico...essa mesma desse cidadão da revista Isto É que lhe difamou.
    Gostaria de pedir sua autorização para que postasse esse seu 'desabafo' lá no nosso blog...ou quem sabe vc nos passar algo para que possamos mudar essa barbaridade que esse cidadão cometeu e acabou fazendo que o povo tivesse um conceito errado sobre sua pessoa.
    Me coloco a inteira disposição para qquer coisa.
    Que Deus te abençoe!!!

    ResponderExcluir
  15. Abusurda a matéria. Nem sei o que dizer... Imagino sua angústia. Mas levante a cabeça, fique calma e aja com a maior racionalidade possível para se defender... Torço para que esse veado se ferre...rsrs...
    Bjos!

    ResponderExcluir
  16. Karina, vc tá surpresa com o quê?? sensacionalismo da mídia (diga-se de um repórter incompetente em busca de fama) sem medir consequências...é assim que funciona essa máquina podre...o que vende mais é o que conta doa a quem doer, infelizmente!! Quem leu seu livro te conhece a fundo, sabe quais são as suas verdadeiras intenções e quem vc realmente é...concordo com o Duda, pare de se expor tanto ou pelo menos só faça quando for ao vivo sem dar chances de edições mal intencionadas ou distorções e dando a vc a chance de se defender de ataques de pessoas mal intencionadas.
    Resumo final: Tenho certeza que a sua estória já salvou e segue salvando muitas vidas e isso só já basta, quem deveria chorar são eles pela oportunidade perdida de escrever uma matéria realmente importante para o país! Uma pena...R.

    ResponderExcluir
  17. Ana, tudo bem?
    Eu escrevo para o blog "O semeador" e postei uma matéria sobre vc, aliás vc comentou nela.

    Eu havia copiado a matéria e postado o link lá, confesso que não li seu livro, mas como sou responsável por colher a matéria que mais tem sido postada até o momento e a sua não parava de aparecer em tudo que é canto, portei-a

    Vim aqui me desculpar com vc e dizer que não sabia que de nada disso que vc comentou nesse seu post.
    Perdão de verdade
    Irei retirar aquele post do blog e fazer um novo com um pedido de desculpas para vc e encaminhando as pessoas para este post, pode ser?

    mas uma vez, perdão

    And here we go again!
    Beijos da Samurai

    ResponderExcluir
  18. Alisson

    Sou extremamente contra aos princípios éticos deste cidadão que auto intitula-se como jornaslita principios estes se é que algun dia ele teve.Felizmente somos vítimas de pessoas dissimuladas,Ana saíba que sua atitude em lançar este livro foi de grande importância para a sociedade deste país queria que muitos jovens tivessem a oportunidade de ler seu livro.Tenho certeza que muitas opiniões serião mudadas e muitas vidas também.

    Desejo-lhe sucesso e muita luz !!!
    alissonl.silva@hotmail.com

    ResponderExcluir
  19. Não dá pra processar o cara?
    Abrçs querida. Boa sorte, em tudo!

    ResponderExcluir
  20. QUERIDA NÃO SE PREOCUPE COM AS INFAMIAS QUE ESTÃO POSTANDO DE VC ,PORUQE QUE LQEU O SE LIVRO SABE MUITO BEM QUE NÃO TEM NADA DISSO ...E POR SINAL SÓ EXPERIENCIAS E SOFRIMENTO SQUE QUALQUER PESSOA QUE PENSA E MEXER COM DROGAS PENSARÁ DUAS VEZES ANTES POR ISSO O QUE VC FEZ E BONITO MOSTRAR A SUA CARA E PASSAR PARA TODO MUNDO O QUE É O MUNDO DAS DROGAS ...PARABÉNS PELO SEU TRABALHO...

    ResponderExcluir